top of page

Já conhecia essas festas?

Além de festa, Carnaval é herança cultural! 


Durante fevereiro a festa acontece por todo o país sofrendo influências regionais que as diferenciam uma das outras.


Venha conhecer um pouco mais sobre a as festas mais tradicionais do Carnaval brasileiro!


Galo da Madrugada (Recife)

O Galo da Madrugada é considerado o maior bloco de Carnaval do mundo, de acordo com o Guinness World Records. Fundado em 1978, ele sai no sábado e marca o início do Carnaval na capital pernambucana.


Cordão da Bola Preta (Rio de Janeiro)

O Cordão da Bola Preta é um bloco centenário fundado em 1918. Desfilando com as cores brancas e pretas, a banda é formada por percussão e metais e já levou mais de 2 milhões de pessoas para a festa de rua.


Bloco Eva (Salvador)

Um dos mais tradicionais blocos do país, que existe há mais de 40 anos. Ao longo de sua história, o Eva ajudou a revelar importantes nomes da música, como Daniela Mercury, Durval Lelys, Ivete Sangalo e Saulo Fernandes.


Monobloco (São Paulo)

O Monobloco foi criado em 2000 e hoje já é um dos maiores da festa, com quase 170 integrantes (cinco vozes, um cavaquinho, uma guitarra elétrica e 160 instrumentos de percussão). O bloco também faz desfiles no Rio.


Bloco da Calixto (Belo Horizonte)

O Bloco da Calixto estreou em 2014. Os desfiles temáticos são a marca registrada do bloquinho, que não possui bateria, mas conta com a banda de Aline Calixto.


Eu Acho É Pouco (Olinda)

O Eu Acho é Pouco, com seu mascote dragão, existe desde 1977 e é um dos mais concorridos de Olinda. Os foliões seguem o dragão pelas ruas, que se pintam nas cores vermelha e amarela.



1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube
  • LinkedIn - Black Circle
  • Creme e Preto Maquiagem Natural Beleza L
bottom of page