Posso viver sem você.

Posso ir aos mesmos lugares e assistir os mesmos programas. eu posso levar o cachorro pra passear e ir à praia num domingo qualquer. sem você aqui, eu ainda consigo acordar no horário e sorrir para estranhos no trabalho.


Posso viver sem você e suas mania de espremer a pasta de dentes. Eu posso jantar sozinho e não sentir indigestão de um afeto que estragou há tempos.


Eu posso dormir sozinho! A cama é grande, mas a sua falta a preenche completamente, não precisa se preocupar com isso.


Eu ainda posso sonhar sem você.

Posso viajar para o sul da inglaterra e pegar os trens comprando apenas um lugar.


Eu posso.


Posso jogar xadrez e dar xeque-mate na saudade que aparece por debaixo da porta. posso mentir para todos os meus amigos e dizer que você pouco me importa. Eu posso.


Eu também posso retalhar outra vez meu coração por causa dos buracos que você fez nele. Posso fingir que te odeio e até te tirar da minha cabeça fazendo algum experimento. Eu posso.


Eu podia antes e deixei você voltar. Algo em mim jurava que você poderia mudar. Eu me enganei. Eu posso e vou esquecer cada sábado de manhã do lado .


Só assim eu posso enterrar você de uma vez com o meu passado. Eu posso viver sem você.


#descriçãodaimagem : a imagem possui o fundo branco. Na parte superior esquerda, esta posicionada uma forma parecida com um raio. Ela está na diagonal e é em verde. Na parte superior central da imagem, há o nome do autor do texto "@hortzpsi". Na parte superior direita, está posicionada uma ilustração de nuvem em laranja. Essa nuvem está chovendo.


Na parte central e justificada à esquerda, está o título da postagem: Posso viver sem você. Na parte inferior da imagem e tomando toda a área inferior da imagem, está uma ilustração de um vaso com uma tulipa. Ela é feita com apenas uma linha contínua e entre o desenho, há formas orgânicas nas cores marrom, verde e laranja. Na parte inferior esquerda, está a logo do Canto Baobá.


9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo