top of page

Homem ou marionete?

Muito se fala da forma como os homens se colocam e se comportam no mundo. Mas, será que nós, homens, olhamos para toda a estrutura social imposta e lida como "obrigatória" para nos encaixarmos como homem?


Ser homem muitas vezes passa por repetir aquilo que foi ensinado: como sua voz deve ser, como você pode gesticular, se vestir, trabalhar, dirigir, jogar bola. São muitas as regras em diferentes lugares, não é mesmo? E a partir disso, questiono se estamos nos expressando com originalidade ou apenas sendo aquilo que querem/ensinam que sejamos Afinal, o que é “certo” para ser um homem?


A palavra marionete existe nesse texto pois o sentimento de corresponder ao que é imposto existe - e os homens também querem ser aprovados, validados e inseridos por seus pares, pelos pais, amigos, professores, instrutores de academia, pela comunidade LGBTQUIAPN+, pelos grupos heterossexuais, raciais, religiosos… Afinal, quem não quer ser aceito?


Enquanto homem, já me peguei diversas vezes tendo papéis diferentes conforme mudava de ambiente ou interagia com pessoas específicas. O sentimento de querer ser parte de algo sempre existiu e me dominou, o que me afastava de reconhecer minha identidade e originalidade.


Esse pensamento era frequente e eu o barrava de diversas formas. Eu também não achava que havia espaço para falar disso com pessoas próximas. O sentimento de achar que era uma mentira vinha com frequência e, claro, com isso o medo de ser descoberto e excluído totalmente.


Até que, depois de me permitir, de me conectar com esses sentimentos e pensamentos e de aprender a expressar um pouco essa angústia, hoje eu consigo ser o mais próximo possível de quem eu originalmente quero ser (o que não só me ajudou nas relações interpessoais, mas também com a principal relação — e da qual não é possível fugir — que é a minha comigo mesmo).


Muitos homens passam pela mesma situação ou ainda estão passando! Por isso o espaço da psicoterapia pode te ajudar a entender melhor se você está sendo marionete ou o homem que gostaria de ser.


Ser original e autêntico não é fácil, mas, é possível — e a gente pode te ajudar com isso.




3 visualizações0 comentário

Comments


  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube
  • LinkedIn - Black Circle
  • Creme e Preto Maquiagem Natural Beleza L
bottom of page