O que é a infância?



Infância tem cheiro, tem sabor, tem sensações táteis. Tem descobertas de membros do corpo, de choros por vacina, por sono, por fome. A Infância é a primeira fase do desenvolvimento humano quando já se está no mundo.


É a descoberta da fala. Descoberta de mundo, de texturas, formas, casa e relações.


Mas a concepção que temos da infância hoje não foi assim para sempre. Assim como tudo é construção social, o entendimento de que essa vida precisa de cuidados únicos também teve que ser construída. No século 12, por exemplo, a criança não era passível de cuidados pois, para a época, era um ser humano com baixas chances de sobreviver.


Mas com o tempo e as interferências sociais, cá estamos. Dialogando direitos, redes de cuidado e proteção para com as crianças. É importante falarmos em direitos e em entendimento de subjetividade, sabia? Porque em alguns casos, essa criança não é vista como uma pessoa que possui desejo, vontades, opiniões e ainda mais: que passa, gradativamente, a se "separar" das angústias, vontades e desejos dus responsáveis.


Complexo, não é mesmo? É por isso que abordaremos a criança em processo de psicoterapia nas próximas postagens!


Vamos juntes?



0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo